Skip to content


Criando arquivos de sintaxe highlighting para o Gedit

Editar arquivos fonte pode ser uma tarefa bem mais agradável se utilizarmos um recurso chamado Syntax Highlighting (modos de destaque de sintaxe, em uma tradução livre).

Trata-se de um recurso presente na maioria dos editores de texto disponíveis, onde as “palavras reservadas” (funções, atributos, parâmetros, etc), recebem uma cor e formatação diferente do texto comum, facilitando a sua leitura e edição.

Mas nem sempre encontramos suporte para aquela linguagem esquecida (Dataflex, Recital), ou ainda para aquele template que utilizamos no nosso dia-a-dia, com uma linguagem de marcação própria.

Neste artigo veremos como criar um arquivo de sintaxe para o Gedit. o edtor padrão do Gnome.

Os arquivos de sintaxe já existentes encontram-se no diretório /usr/share/gtksourceview-1.0/language-specs. Estes arquivos nada mais são do que modelos XML. Em nosso exemplo, criei um arquivo de sintaxe para um template que utilizo em um projeto no Alioth. Vejamos o arquivo simplificado clicando aqui.

  • Entendendo o arquivo

Language_name especifica o nome pelo qual o arquivo de sintaxe será intificado. section informa em qual seção ele estará disponível. O mimetype especifica para qual tipo de arquivo esse destaque de sintaxe será automaticamente carregado.

line-comment especifica como são as linhas de comentário. Neste caso estamos dizendo (através de expressões regulares) , que os comentários começam em uma linha iniciada com #.

  • As seções keyword-list

Estas são as partes que mais interessam. Nelas explicitamos quais são realmente as palavras-chave, se elas serão case sensitive, por qual caracter elas inicial e por qual terminam. No cabeçalho, podemos utilizar valores pré-definidos parao atributo “style”, como por exemplo “Keyword”, “Others”, “Function”, os quais já terão valores de formatação pré-carregados, ou criar um novo, e setá-lo no proprio Gedit (Editar/Preferencias/Destaques de Sintaxe).

Por fim, as tags especificam quais são as palavras reservadas, e a tag encerra o arquivo.

Para setar suas cores prediletas, vá em Editar/Preferências, e selecione a aba Destaqes de Sintaxe. Em seguida selecione a sintaxe que acabou de criar, e então edite os estilos como desejar.

Se você possui algum arquivo de sintaxe já criado e que julgue interessante, ou alguma outra dica de customização do Gedit, aproveite para comentar! 🙂

Posted in Software Livre.


0 Responses

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.