Skip to content


Entenda como funciona o ciclo de vida de pacotes no Debian

Continuando com os estudos sobre o Debian, encontrei o seguinte diagrama, que explica o ciclo de vida de um pacote:

ciclo de vida de um pacote Debian

Um pacote chega ao repositório estável basicamente por três caminhos:

  • via security updates, fornecidas pelo time de segurança ;
  • via proposed updates, aprovadas manualmente pelo Release Manager;
  • via congelamento (frozen) do repositório testing.

Este último é o maior ciclo de todos. Um DD envia um pacote para o repositório incoming. Uma série de scripts  se encarregará de analisá-lo. Os build daemons são notificados e geram os pacotes para as demais arquiteturas. Diariamente, um aplicativo chamado dinstall move os pacotes disponíveis no repositório incoming para o diretório apropriado no pool. E assim os pacotes tornam-se disponíveis via apt no repositório unstable.

Do unstable, dependendo da criticidade do pacote, ele irá passar de 0 a 10 dias no unstable antes de ser considerado apto para a testing. A partir de então, novas exigências são feitas para que ele efetivamente seja movido para o repositório testing.

Finalmente,  seguindo o ciclo de lançamento, o RM congela o repositório testing. A partir de então, nenhum pacote de novos aplicativos entra. São corrigidos os bugs RC, e quando estiver tudo pronto, os pacotes são movidos para a stable, e uma nova versão é lançada.

Posted in Debian.


One Response

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. Fernando Ike says

    Muito bom, parabéns. 🙂

    Tem um mais completo.

    http://mysite.verizon.net/kevin.mark/newdebian2.png



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.